Oi pessoal! Demorei pra conseguir uma folguinha nos dias corridos para revisar um tema que adoro: o uso da vitamina C para tratamentos dermatológicos. São meus queridinhos nas prescrições para jovens que querem prevenir manchas e rugas e para associação com tratamentos para peles mais maduras.

As dicas que deixo para vocês neste post são:

1. Investir em protetores solares que já tenham vitamina C nas suas formulações!

2. Consumir mais alimentos ricos em vitamina C!

acerola-2-1328401

O ácido ascórbico, ou a famosa vitamina C, é uma molécula importante no metabolismo do colágeno, um excelente antioxidante e útil na produção de neurotransmissores. A dose recomendada para ingestão varia de 75 a 200 mg ao dia, dependendo de cada pessoa.

Screen Shot 2016-07-26 at 3.35.50 PM

AÇÕES NO ORGANISMO

A ingestão da dose recomendada diária de vitamina C ajuda a manter ossos, músculos e tendões mais resistentes. Também ajuda na firmeza da pele, já que ela participa da formação de colágeno.

Há alguns estudos controversos que dizem que a vitamina C pode aumentar a imunidade, sendo útil na prevenção de doenças virais como gripes e resfriados.

Também é uma excelente fonte de proteção dos vasos sanguíneos e funciona muito bem como antioxidante, prevenindo a formação de radicais livres. Os radicais livres são produtos do metabolismo do organismo que acumulados levam ao envelhecimento das células, inclusive da pele.

tangerines-1322137

AÇÕES DIRETAMENTE NA PELE

Cada vez mais tecnologia é empregada na formulação de novas moléculas de vitamina C, com novos produtos constantemente disponíveis. Como é essencial na formação do colágeno, cremes com vitamina C são excelentes para prevenção de rugas, de flacidez e no auxílio da cicatrização da pele.

Além disso, a vitamina C é um ótimo produto de uso tópico para prevenção do envelhecimento da pele, visto que combate o acúmulo de radicais livres. Sua ação antioxidante ajuda na proteção UV e pode ser útil na associação com protetores solares.

Alguns estudos também mostram que a vitamina C diminui a formação de melanina na pele, ajudando no clareamento de manchas. 

CUSTO ELEVADO

Apesar de todo o desenvolvimento da indústria farmacêutica e milhares de novas pesquisas na área, cremes com vitamina C ainda tem um custo elevado. Isso decorre da sua grande instabilidade e dificuldade de fazer com que ela penetre na pele. Quando em contato com o ar, a vitamina C rapidamente se torna inativa e por isso os frascos necessitam impedir a entrada de ar.

A concentração que melhor funciona é de 10 a 20% mas isso sofre interferência com o tipo de pele, idade, forma e horário de uso, oleosidade da pele, pH do veículo e outros cremes associados.Apresentação1

A minha sugestão para as pacientes que buscam um tratamento de entrada para prevenção do envelhecimento da pele é sempre em primeiríssimo lugar o uso regular de protetor solar e em seguida, a associação com vitamina C.

Procure um dermatologista na sua cidade através do site da SBD (www.sbd.org.br/resultado-da-busca-do-dermatologista) para avaliar suas necessidades e orientar a melhor opção para sua pele.

Um grande abraço, Dra. Flávia Trevisan.

Flávia Trevisan
CRM/PR 31445 / RQE 16868
Médica Dermatologista

Dra. Flávia Trevisan é médica graduada pela Universidade Federal do Paraná em 2009, com residência médica em dermatologia pela Faculdade de Medicina de Jundiaí. Mestranda em Medicina Interna, é membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia – SBD e tem títulos de especialista em Dermatologia pelo MEC e pela AMB.

 

Comments

comments

Written by Dra. Flávia Trevisan