Oi Gente! Hoje vim falar de um assunto que eu gosto muito e também uso bastante no meu dia a dia clinico, COLÁGENO!

O que é colágeno?

Colágeno é uma proteína, que tem como função principal dar estrutura, sustentação celular, sendo componente de pele, ossos, cartilagens, ligamentos e tendões. Ele é formado por vários aminoácidos, na sua grande maioria são: lisina, glicina, prolina e hidroxiprolina. Mas também contêm na sua cadeia outros 17 aminoácidos, porém em quantidades reduzidas.

Nosso corpo sintetiza vários tipos de colágeno, porque esse compõe várias partes do corpo, como a matriz orgânica dos ossos, os tecidos conjuntivos de todos os nossos ligamentos (tendões), constitui também a pele, o cabelo, o sangue e os vasos sanguíneos.

Atualmente existem vários produtos industrializados de colágeno, com alegação de melhorar a firmeza da pele, textura do cabelo, e até a osteoporose, já que o colágeno constitui o osso. Porém precisamos analisar bem os rótulos desses colágenos para sabermos se vamos conseguir absorver corretamente o produto. Gelatina comum, por exemplo, não é uma boa fonte, pois além de apresentar um alto teor de açúcares, possui conservantes e corantes.

O que acontece é o seguinte: O nosso corpo produz o colágeno, mas para sua síntese precisa de tudo isso: aminoácidos (lisina, glicina, prolina e hidroxiprolina), e as vitaminas (C, E, piridoxina, betacaroteno, ácido pantotênico e biotina), e os minerais (manganês, selênio, cromo, cobre, zinco e silício). Para que este colágeno seja realmente aproveitado pelo nosso organismo, ele tem que estar associado com seus precursores de absorção (vitaminas e minerais), senão não irã0 completar a síntese do mesmo. Só para lembrar, a gelatina de caixinha não tem nenhum micronutriente para ajudar na absorção.

Recomendo muito o uso do colágeno hidrolisado principalmente nos casos de flacidez tissular, pré e pós-operatório de cirurgia plástica, no tratamento do envelhecimento cutâneo e fortalecimento de unhas e cabelos.

Geralmente as doses recomendadas são de 5 a 12g/dia. Também é importante associar com a vitamina C que é indispensável na formação do colágeno. Lembrando que esta dose varia de acordo com a individualidade da pessoa.  A recomendação do uso deve ser realizada por um profissional capacitado, pois existem algumas contraindicações como no caso de pessoas com problemas renais e hepáticos, além de pré-disposição a quelóides e cicatrizes hipertróficas.

Também não adianta tomar o “melhor colágeno”, e não se alimentar corretamente e não fazer atividades físicas, pois para o colágeno ser aproveitado ao máximo precisamos fazer nosso corpo trabalhar a favor.

Espero que tenham gostado do tema!

Daniela Obrzut Viante

Comments

comments

Written by Daniela Obrzut
Graduação em Nutrição Faculdade Evangélica do Paraná (FEPAR) Especialização em Nutrição Clínica,Universidade Gama Filho (UGF-RJ) Especialização em Nutrição Aplicada Estética, Instituto Ana Paula Pujol (Curitiba)